Dieta pós bariátrica : Fases Nutricionais

Dieta pós bariátrica : Fases Nutricionais

Fiz a cirurgia bariátrica. E agora?

O que irei comer? Quanto vou comer? Vou sentir prazer ao comer? Terei fome?
Um milhão de perguntas vêm à mente... muitas dúvidas, expectativas e ansiedade.

Mas calma!
Primeiro, quero tranquilizar você, dizendo que passei pelo que você está passando e sobrevivi. O desconhecido assusta mesmo!

Mas garanto que, se você seguir as orientações da sua equipe multidisciplinar, o sucesso é garantido!

As etapas de nutrição pós-cirurgia bariátrica, se bem seguidas, vão construir sua nova relação com a comida e moldar seus novos hábitos alimentares. Cada etapa tem seus desafios, e é sobre eles que vamos conversar.

Dieta líquida

Cada equipe multidisciplinar tem seu protocolo, mas nesta fase, você enfrentará pelo menos 10 dias de dieta líquida. Caldos e sucos naturais coados, água de coco, isotônicos e chás serão seus grandes aliados nessa fase.

Fui orientada a ingerir até 50 ml de líquido a cada 30 minutos.

Como, nessa fase, gordura, açúcar e excesso de sal estão proibidos, vou compartilhar com você algumas dicas que me ajudaram muito!

Tudo que é extremamente gelado desce melhor no estômago. Por isso, com exceção dos caldos, eu congelava tudo e colocava em saquinhos de chup-chup, sacolé, geladinho e suas outras derivações. 

Era uma delícia tomar aquele líquido geladinho e na dose perfeita para não doer o estômago. Os sucos de melancia e manga eram os meus preferidos. Eram refrescantes. Mas não se assuste se um sabor que você adorava agora te causa náuseas. O paladar muda muito após a cirurgia.

Em relação aos caldos, minha dica é temperá-los com ervas e vegetais aromáticos. O salsão e o aipo deixaram meus caldos muito mais saborosos.

Como você não sentirá fome nessa fase (o que é diferente da vontade de comer), fique atento para não passar longos períodos sem se alimentar e hidratar, pois, como a alimentação é muito restrita, você poderá sentir fraqueza excessiva.

Dieta líquida completa

Nesta fase, além dos alimentos da fase anterior, serão incluídos vitamina de frutas com leite desnatado, iogurte sem açúcar e gordura e o whey protein.

Estranhei muito o sabor do whey protein, achei extremamente doce e enjoativo para o meu paladar. Mas não desisti! Sabia da importância do aporte proteico para o meu organismo e dieta.

Com o tempo, foi ficando mais fácil de tomar. Opte por sabores neutros como baunilha, coco ou o sem sabor.

Mas, para minha surpresa, o iogurte que eu amava ficou impossível de tomar, tamanho o enjoo que sentia. Assim foi com o ovo e o queijo em fases posteriores. Surpresas do meu novo paladar!

Dieta pastosa

Eis que chega a tão sonhada dieta pastosa. Me senti uma vencedora!

Estava cheia de orgulho e sonhando com o primeiro cardápio. 

Meu café da manhã foi uma banana amassada. A mais deliciosa que comi até hoje! Tal como um bebê na fase de introdução alimentar, temos que ter paciência e calma para mastigar bem os alimentos (mesmo amassados) e perceber a reação do nosso organismo a cada novo alimento introduzido.

Café, verduras cruas, condimentos, bebidas gaseificadas e frutas com casca estão proibidos nessa fase.

A proteína deve ser sempre priorizada em todas as refeições. Ingerir pequenas quantidades por vez é o grande segredo nessa fase que dura, em média, 15 dias.

Dieta branda

Uma grata surpresa que tive na minha equipe multidisciplinar foi um profissional fonoaudiólogo. Ela teve um papel fundamental nessa etapa, que também durou 15 dias.

Dois dias antes de começar a dieta branda, ela marcou minha consulta para me "ensinar a comer". Levei para a consulta uma fatia de pão integral, uma fruta com casca, um pedaço de queijo e um bife de boi.

Ela fez com que eu comesse cada alimento, orientando o tamanho das bocadas, pois não podemos levar grandes quantidades na boca. E o principal: a mastigação correta!

Todo alimento deve praticamente virar líquido na boca antes de ser engolido, evitando assim uma sobrecarga de trabalho ao estômago, além de possíveis entalos e vômitos. Uma refeição dura, em média, mais de 1 hora.

Uma boa dica é adquirir um prato térmico para usar durante as refeições. Assim, evitamos usar o micro-ondas, que deixará a comida ressecada, algo que não favorece a mastigação.

Dieta normal

Durante essa fase, começamos a ter uma visão da dieta que nos acompanhará em praticamente todo o processo.

Com exceção dos doces, condimentos fortes, café, bebidas gaseificadas e alcoólicas, já podemos comer uma grande variedade de alimentos, verduras e legumes.

É extremamente importante ter consultas com sua nutricionista em cada fase, para que ela possa adequar sua alimentação de acordo com suas necessidades individuais.

O pós-operatório é um período de muitas mudanças, adaptações e reflexões. Hábitos novos e mudanças de estilo de vida nortearão todo o processo.

Mas a melhor dica que posso dar a vocês é: vivam um dia de cada vez!

Dêem o seu melhor a cada novo dia!

Depois de muitos anos de negligência com nossa saúde e corpo, decidimos que era hora de mudar e nos priorizar. Fazer uma cirurgia bariátrica não é uma decisão fácil, nem o caminho mais simples. Mas o processo é lindo!

Cuidem-se, priorizem-se, amem-se. Voem alto!

 

Agora que você já acompanhou as dicas da Nanda de fases nutricionais Pós-Bariátrica, que tal experimentar os produtos da nossa linha bariátrica com um cupom de 20% OFF para você em  nossa loja virtual? 

É só digitar BLOG20 no carrinho de compras e aproveitar o desconto.

👉 Clique aqui para comprar.

 

 

Autor: Fernanda Costa, Advogada
Copywriter, criadora do perfil
@baricomnanda
Belo Horizonte, 12 de Julho de 2023.
Voltar para o blog

11 comentários

Importante um texto honesto e tão detalhado de alguém que tenha passado pela bari. Adorei!

Chris

Adorei o artigo Fernanda, muito bom compartilhar essas experiências, é muito enriquecedor! Parabéns!

Priscila

Artigo esclarecedor, sensível e acolhedor. Adorei Fernanda e Nature Derme

Márcia

Artigo esclarecedor, sensível e acolhedor. Adorei Fernanda e Nature Derme

Márcia

Parabéns pelo artigo Fernanda.

Fernando

Deixe um comentário